11 de fevereiro de 2009

Salmo 127 (Parte 1)

Diz a Bíblia:

"Se o Senhor Deus não edificar a casa, não adianta nada trabalhar para construí-la. Se o Senhor não proteger a cidade, não adianta nada os guardas ficarem vigiando.
Não adianta trabalhar demais para ganhar o pão, levantando cedo e deitando tarde, pois é Deus quem dá o sustento aos que ele ama, mesmo quando estão dormindo."

Se Deus não estiver à frente das nossas iniciativas (tudo o que fazemos), é melhor que a gente pare. Às vezes nos apegamos demais a coisas que, embora aparentemente boas, Deus não se interessa, pelo menos pra gente, num determinado momento. Essa é uma reflexão boa de se fazer: será que temos percebido Deus abençoando nossas iniciativas e as coisas fluem, ou temos lutado contra a corrente?

Outra boa reflexão: não adianta a fadiga enlouquecida dessa pós-modernidade, que atrapalha o bom hábito de exercitar disciplinas espirituais (leitura, oração, meditação etc), sem falar na família. Aos seus amados Ele abençoa com sustento enquanto dormem.

Essa declaração é base bíblica para que descansemos na certeza da provisão divina. Não é apologia à preguiça, mas um alerta ao equilíbrio.
Pedra Solta, 06/01/2009

2 comentários:

Anônimo disse...

Bunitão, agora descobri porque há tanto tempo você não aparece nas reuniões familiares. Tava escrevendo no Blog e nunca divulgou para ninguem oficialmente. Pior pra mim, parei 20 minutos agora para ler tudo o que você escreveu de uma única vez. Saudades de você meu irmão querido.. queria poder voltar a convivência que tínhamos antes de casar!!!
Vou até deixar de tomar cerveja para poder acompanhar você nas corridas da vida!!

Abraço querido,

Jacaninhazinho

Paulinha Rocha disse...

Lindo texto amor, concordo com você e sei que temos tentado efetivar em nossas vidas o que o Salmo diz. Louvo a Deus pela nossa família e pela prioridade que estamos buscando.
Amor, Paulinha